Dia das Mães - WZ tras dicas de programas culturais

Avenida Rebouças, 955, São Paulo, Brasil

+55 (11) 3069 0000 | 0800-129422 Reservas

Dicas de programas culturais para o Dia das Mães

Dia das Mães – O WZ Hotel Jardins tras dicas de programas culturais para as mães curtirem junto a família.

Venha para o WZ e aproveite tudo de bom que acontece na região.

mae-e-filha-oleo-sobre-tela
Mãe e filha óleo sobre tela

Atrações como filmes, oficinas, exposição, jogos, música e concertos para comemorar com toda família.
Para celebrar o Dia das Mães, as instituições da Secretaria da Cultura prepararam uma programação especial no sábado (7) e no domingo (8). Para as mães cinéfilas, a dica é a Primeira Mostra de Cinema e Literatura Israelense, realizada na Sala Cinematographos, da Casa Guilherme de Almeida, que terá sessão de cinema gratuito do filme Appelfeld’s table (2004), de Adi Japhet Fuchs, no domingo, às 15h. A entrada é gratuita.

O Museu do Futebol, localizado na região do Pacaembu, fará uma visita mediada no sábado, das 11h às 12h30. O roteiro, com capacidade para até 20 pessoas, foi preparado especialmente para mães e filhos e sairá da bilheteria do museu rumo ao Estádio do Pacaembu, onde os participantes desbravarão todo o espaço, inclusive o Museu. Ainda no sábado, das 14h às 15h30, haverá uma oficina de ímãs, no cantinho Inspi-rar, onde os participantes aprenderão técnicas de origami para criar uniformes e símbolos de futebol.

No domingo, o público poderá participar do “vôlei adaptado”, das 11h às 12h30, na área externa do Museu, atividade na qual os visitantes ficarão sentados e tentarão marcar pontos na quadra adversária, como no vôlei sentado paralímpico. Das 14h às 15h30, o Museu promove atividade baseada no livro infantil “Hoje Tem Futebol” e no poema “Bicho Futebol Clube”, onde os participantes montarão suas equipes de futebol de acordo com as habilidades de cada animalzinho de origami. A atração será na sala Grande Área. No sábado, a entrada é gratuita; nos outros dias, o ingresso custa R$9 (inteira) e R$4,50 (meia).

O Museu Afro Brasil, no Parque do Ibirapuera, inaugura no sábado, a partir das 11h, a exposição A Luz do Mundo onde há Fronteiras, instalação de Nobuo Mitsunashi, com flores carbonizadas. O artista utiliza uma técnica centenária japonesa chamada Hanazumi, onde queima as flores em fornos em um processo delicado: ali, elas são transformadas em peças de carvão, conservando a sua forma original. O Museu traz também a exposição Evocações. Doze artistas mulheres e as múltiplas linguagens criativas, composta apenas por artistas mulheres. No sábado, a entrada é gratuita; nos outros dias, o ingresso custa R$6 (inteira) e R$ 3 (meia).

Outra dica para quem gosta de arte é o Museu da Imigração com a mostra Do retalho à trama: costurando memórias migrantes, exibindo a produção de arpilleras de dois grupos de mulheres migrantes, de diferentes idades e origens, que utilizam essa técnica de costura e bordado para representar suas experiências de deslocamento. No sábado, a entrada do Museu da Imigração é gratuita; nos outros dias, o ingresso custa R$6 (inteira) e R$3 (meia).

Para as amantes da poesia, a Casa das Rosas terá o Sarau a plenos pulmões, com Marco Pezão, no sábado, às 19h. O poeta e agitador cultural abrirá o microfone para todos: esse é o momento de declarar o amor à mãe. Quem visitar o espaço poderá conferir também a mostra Pisho Xodô – A escrita como ato, que aborda a pichação e a caligrafia japonesa, conhecida no Brasil como Shodô. Ambas têm em comum a visualidade da palavra escrita, propondo uma reflexão sobre as concepções e as práticas por meio de registros. Todas as atividades são gratuitas.

A Pinacoteca de São Paulo fará uma edição especial do Pinafamília, no domingo, das 11h às 15h, no átrio do 2º andar do espaço. A programação aberta ao público tem como objetivos estimular a visita de famílias à Pinacoteca, favorecer o convívio por meio da arte e estimular a visita a espaços culturais. Com atividades lúdicas e participativas, o domingo com a mãe ficará ainda mais divertido e educativo, com distribuição de Guia de Visita, Jogo Pinafamília e Ilha de Atividades. No sábado, a entrada é gratuita; nos outros dias, o ingresso custa R$6 (inteira) e R$ 3 (meia).

Para as mães que gostam de música, Museu da Casa Brasileira traz performances no fim de semana em homenagem a elas. No sábado, às 10h, o espaço terá uma apresentação do grupo Embatucadores, com dança e percussão cheia de movimentos e sonoridades inusitadas na calçada do Museu. O grupo utiliza instrumentos elaborados a partir de objetos de uso cotidiano como colheres, baldes, latas, lápis, cabos de vassoura, tubos de PVC, entre outros.

Já no domingo, às 11h, é a vez da banda OABAND, formada por advogados, subir ao palco e apresentar show com repertório que passa pelo jazz, MPB, rock brasileiro e música romântica, sob a regência do maestro José Antunes da Silva Filho. No sábado, a entrada é gratuita; nos outros dias, o ingresso custa R$7 (inteira) e R$ 3,50 (meia).

No sábado, às 14h45, a Sala São Paulo apresenta os solistas da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (OSESP) Claudia Nascimento (flauta), Liuba Klevtsova (harpa) e Peter Pas (Viola). No programa, Syrinx de Claude Debussy, Trio Elegíaco para Flauta, Viola e Harpa de Arnold Bax, Sonata para Viola: Hora Lunga (1º Movimento) de Gyorgy Ligeti, Sonatina para Harpa de Alberto Ginastera e Sonata para Flauta, Viola e Harpa de Claude Debussy. Os ingressos custam R$63 e podem ser adquiridos na bilheteria da Sala São Paulo.

Ainda no sábado, às 20h, o Coro da Osesp se apresenta gratuitamente na Paróquia São Luís Gonzaga (Avenida Paulista, 2.378), sob regência de Ragnar Bohlin. No programa, Três Canções Sacras, Op.69 de Josef Rheinberger, Der Abend, Op.34 nº 1 de Richard Strauss e Figure Humaine de Francis Poulenc.

No domingo, dia 8, a OSESP se apresenta gratuitamente na Sala São Paulo, pela série Concertos Matinais, às 11h sob regência de Valentina Peleggi. No programa, Il Signor Bruschino: Abertura de Gioacchino Rossino, Sinfonia nº3 em Ré maior, D 200 de Franz Schubert e Macbeth: Música de Balé de Giuseppe Verdi. Os ingressos estarão disponíveis na bilheteria do primeiro subsolo da Sala São Paulo, limitado a quatro ingressos por pessoa.

Para conferir outras atividades, acesse o site da Secretaria da Cultura.

Do Portal do Governo do Estado